Resultado do ProUni 1/2024 sai nesta terça; saiba tudo

Ao todo, o ProUni 1/2024 oferta 406.428 bolsas integrais e parciais (50%) em instituições privadas de ensino superior

Resultado do ProUni 1/2024 sai nesta terça; saiba tudo

A divulgação do resultado da primeira chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni), referente ao primeiro semestre de 2024, está prevista para ocorrer nesta terça-feira (6/2). Ao todo, o processo seletivo oferta 406.428 bolsas integrais e parciais (50%) em instituições privadas de ensino superior.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), as vagas disponíves para o primeiro semestre estão divididas da seguinte forma: 308.977 em bolsas integrais e 97.451 em parciais (50%), distribuídas em 15.482 cursos, de 1.028 instituições participantes do ProUni.

Para consultar o resultado que será anunciado nesta terça, basta acessar o Portal Único de Acesso ao Ensino Superior. Segundo a pasta, medicina, direito, psicologia, enfermagem e administração estão entre as graduações com mais inscrições.

O cronograma prevê a divulgação da segunda chamada para 27 de fevereiro. Por outro lado, o período para manifestar interesse na lista de espera é de 14 a 15 de março, com resultado anunciado em 18 de março.

Calendário 1/2024:

  • Inscrições: de 29 de janeiro a 2 de fevereiro
  • Resultados da 1ª chamada: 6 de fevereiro
  • Resultados da 2ª chamada: 27 de fevereiro
  • Lista de espera: manifestar interesse entre 14 e 15 de março
  • Resultado lista de espera: 18 de março

Processo seletivo do ProUni

A seleção do processo seletivo do MEC usa as notas da edição mais recente do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), nesse caso, a edição de 2023. Além disso, o ProUni segue alguns critérios para aqueles que desejam concorrer a uma bolsa integral ou parcial. Confira:

  • Bolsa integral: o candidato precisa comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até 1,5 salário mínimo.
  • Bolsa parcial (50%): a renda familiar bruta por mês deve ser de até 3 salários mínimos por pessoa.

No geral, para participar e tentar conseguir uma das vagas, é necessário atingir, no mínimo, 450 pontos na média das notas e ter nota acima de zero na redação da edição anterior do Enem. Outra exigência é não ter participado do exame na condição de treineiro.